TWIABP... lançou o clipe oficial do novo single "January 10th, 2014"! Saiba o que inspirou a letra e o vídeo!


A banda emo, The World is a Beautiful Place & I am No Longer Afraid to Die, lançou o clipe oficial do novo single "January 10th, 2014" A canção integra o novo álbum, Harmlessness, que será lançado no dia 25 de Setembro via Epitaph Records.

O vídeo é baseado na história de uma mulher de Ciudad de Juarez, no México, que se auto intitulou "Diana, a caçadora de motoristas de ônibus (em inglês: Diana, Hunter of Bus Drivers)". Cansada do feminicídio rotineiro em Juarez, a mesma resolveu retaliar as violações cometidas por motoristas contra mulheres, muitas delas trabalhadoras noturnas de fábricas maquiladoras e de origem humilde. Segundo dados de organizações de proteção a mulher, 34 mil mulheres foram assassinadas no México entre 1985 e 2009. Só em Juarez a Anistia Internacional reconheceu que foram mais de 370 mulheres assassinadas por crimes de ódio e mais de 400 desaparecidas, de 1993 a 2004. Quase a totalidade desses crimes foram deixados de lado pelo governo e a policia local, ou seja, não foram investigados e/ou não foram resolvidos.

Leia abaixo um trecho do e-mail enviado pela Diana a jornais locais de Juarez:

Não podemos ficar em silêncio sobre esses atos que nos enchem de raiva; eu e minhas companheiras sofremos com o silêncio, mas não podemos nos calar mais, fomos vítimas de violência sexual por motoristas que cobrem o turno da noite aqui em Juarez e, apesar de que muitas pessoas sabem o que sofremos, não nos defendem nem fazem nada para nos proteger. É por isso que eu sou um instrumento que vingará várias mulheres que aparentam ser fracas, mas na realidade não somos, somos valentes, e se não nos respeitam, seremos respeitadas pelas nossas próprias mãos; as mulheres de Juarez são fortes"

Houve dois casos em que a Diana pegou o ônibus em Juarez e deu fim em dois motoristas.

A letra da música é toda inspirada nessa história. Inclusive o trecho - "How great that someone's doing what many of us should have done" - é uma declaração de uma jovem mexicana de 25 anos admiradora da atitude tomada pela Diana.

Para você entender um pouco melhor essa história, assista ao clipe e leia a letra na descrição do vídeo:


Caso tenha interesse em pesquisar a história, deixaremos alguns links que tratam disso:

http://www.thisamericanlife.org/diana-hunter-of-bus-drivers/
http://www.theguardian.com/world/2013/sep/03/mexico-killer-vigilante-diana-bus-drivers
http://www.theguardian.com/world/2013/sep/06/ciudad-juarez-bus-drivers-female-assassin-diana
http://oglobo.globo.com/mundo/diana-cacadora-de-motoristas-procurada-pela-policia-no-mexico-9834905

Sobre o feminicídio no México:

http://www.revistaforum.com.br/blog/2013/05/mexico-a-mulher-como-vitima/
http://noticiadacorte.blogspot.com.br/2010/05/assassinato-em-juarez-mexico.html

Aproveitando o tema e a publicação. Uma das maiores bandas de post-hardcore que esse mundo já viu, também já tratou sobre esse assunto delicado, mas ao mesmo tempo revoltante. At The Drive-In:


Share on Google Plus

About Posthardcore Br

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.